only



Eu dei pra ele.
Naquela madrugada insone, seu corpo teso, meu sexo completamente molhado.
Dei como ele quis, como eu gosto, com o meu gosto pairando em sua boca, com a sua boca escorrendo em minhas costas.
Eu dei pra ele.


[ela]²

posted under | 0 Comments

Amor a primeira vista


Foi muito rápido e tão intenso que deixou marcas profundas.

Independente de reciprocidade, inspirar paixão/amor em alguém é motivo para felicidade.

É fato que ele é um ébrio de carteirinha e há muito não conhece o estado de sobriedade, o que pra mim, só demonstra a veracidade de seus sentimentos (o álcool entra a verdade sai).

Também posso dar créditos a atmosfera carnavalesca e ao cenário que nos rodeava “Olinda quero cantar”, e carregados pelo “ Princesa Izabel” cantamos e celebramos a beleza do amor à primeira vista .

“Paixão puríssima ou devassa,
Triste ou feliz, pena ou prazer,
Amor - chama, e, depois, fumaça...” MB


Sorte de quem pode presenciar tal beleza... Aos ilustres desconhecidos, obrigada por cantar conosco. A Gisele Laurentino obrigada pela divertida companhia... Pena que você não pode ver nossa calorosa despedida e as lágrimas...

" Lágrimas por ninguém, só porque é triste o fim... “

Doce apaixonado... Não sei seu nome e seu destino... Desejo-lhe sorte e muitos outros amores... Fica essa homenagem de quem não foi apenas mais uma, mas “aquela”.

Olinda, 08 de fevereiro de 2010.

posted under | 2 Comments
Postagens mais recentes Postagens mais antigas Página inicial
Ocorreu um erro neste gadget
Ocorreu um erro neste gadget

Total de visualizações de página

Followers


Recent Comments