Poema do descrédito

Preciso revelar o fim da história.
Mas não foi uma história qualquer... Foi algo especial!!
Foi uma história de amor mesmo que unilateral
Teve comédia, suspense, ação e aventura... E quanta aventura!
A única coisa que não teve de verdade foi AMOR, doçura...
Mas amor com todas as letras, com paixão e entrega total...
Ah! Isso não teve não!
Foram sentimentos camuflados, perdidos, ora verbalizados, ora desmentidos!!!
Foi uma atração explosiva, meio mocinha, meio bandida...
E deram-se 12 anos!!!
E naqueles anos vãos e em vão, tudo que se tinha eram apenas planos...
Planos cheios de desenganos, de enganos.
De palavras frias, jogadas ao vento, que nada diziam e só iludiam.
Mas na loucura dos dias sombrios... A venda (que nada desvenda) me levou a destemperos, suada, cansada... desfazendo o nevoeiro.
Depois da longa jornada, desatei, por fim, o nó da história mal contada!

Sem mais para o momento.

posted under |

0 comentários:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
Ocorreu um erro neste gadget
Ocorreu um erro neste gadget

Total de visualizações de página

Followers


Recent Comments